Ficha prática n.º 57 práticas de eletricidade - transístor (caraterísticas)

Ficha prática n.º 57 práticas de eletricidade – transístor (caraterísticas)

FET é o acrónimo em inglês de Field Effect Transistor ou Transístor…

FET é o acrónimo em inglês de Field Effect Transistor ou Transístor de Efeito de Campo que, como o próprio nome diz, funciona através do efeito de um campo elétrico na junção. Este tipo de transístor tem muitas aplicações na área de amplificadores (a operar na área linear), em comutação (operando fora da área linear) ou no controlo de corrente sobre uma carga. Nesta edição vamos continuar a analisar as suas principais caraterísticas.

Caraterísticas de saída

Continuemos a analisar a caraterística UGS = 0 V. Se esta condição se verificar e nenhuma tensão se aplicar externamente através de UDS, a corrente de dreno ID será nula, estando o canal totalmente aberto, comportando-se o JFET como uma resistência.

Com o aumento de UDS, o ID aumenta linearmente até IDSS, denominada por corrente de dreno quando UGS = 0 V, sendo máxima a corrente de saída do JFET. Esta zona de funcionamento situada ate à tensão UP denomina-se por zona óhmica uma vez que apresenta uma resistência constante designada por resistência óhmica do JFET – RDS e define-se por:

O aumento da corrente de dreno provoca uma queda de tensão ao longo do canal, aumentando o potencial do dreno, pelo que o canal se vai estreitando de modo mais acentuado na região do dreno. Esta diminuição da espessura do canal vai diminuindo a corrente de dreno ID até atingir um valor constante, apesar dos aumentos de UDS.

Manuel Teixeira
ATEC – Academia de Formação

Para ler o artigo completo faça o download gratuito da revista “o electricista” nº67. Verifique o seu email após o download. Pode também solicitar apenas este artigo através do email: a.pereira@cie-comunicacao.pt

      Selecione as sua(s) área(s) de interesse

      Utilize a tecla Ctrl para selecionar mais que uma opção

    Outros artigos relacionados

    Translate »