OBO Bettermann: sistemas de condução de cabos, livres de halogéneos

OBO Bettermann – Material para Instalações Eléctricas, Lda.
Tel.: +351 219 253 220 · Fax: +351 219 151 429
info@obo.pt · www.obo.pt

Os sistemas de condução de cabos da OBO, livres de halogéneos, garantem a proteção das pessoas, do ambiente e dos bens materiais. Todos os produtos são fabricados em PC/ABS de elevada qualidade (Policarbonato/Acrilonitrilo-Butadieno-Estireno). Estes materiais incluem-se nos plásticos autoextinguíveis. Os aspetos relativos à segurança passam pela baixa produção de fumos, reduzida toxicidade dos gases de combustão, quase sem libertação de gases corrosivos, e é indicado para áreas públicas.

Para uma condução segura dos cabos a OBO disponibiliza as calhas de instalação na parede e no teto WDKH e as calhas de cablagem VKH, ambas sem halogéneos, para montagem no quadro de distribuição. As calhas técnicas Rapid 80 GKH são novas na gama e são uma solução completa com todos os acessórios. A OBO disponibiliza os três sistemas de condução de cabos, em todos os tamanhos convencionais, e assim são fáceis de instalar, estáveis, com acabamentos de elevada qualidade e totalmente normalizados. Os plásticos oferecem boas propriedades isoladoras e permitem o fácil processamento mas em caso de incêndio podem propagar gases agressivos. Para manter a inflamabilidade do PVC baixa são utilizados retardadores de chama, baseados em ligas de halogéneo como o flúor, iodo, cloro e bromo. Este aspeto de segurança, em caso de incêndio, pode ser perigoso porque formam-se gases de combustão tóxicos como dióxido e monóxido de carbono que colocam em risco as pessoas. Uma combinação muito tóxica que pode mesmo ser fatal com apenas algumas inalações.

O PVC liberta cloreto de hidrogénio gasoso corrosivo que, com humidade, produz ácido clorídrico que é muito corrosivo para as vias respiratórias. Como substância eletricamente condutiva pode provocar um curto-circuito e destruir os aparelhos. Outros exemplos de produtos com gases de combustão são o ácido cianídrico e o amoníaco. Além disso, as dioxinas muito tóxicas podem danificar a estrutura do edifício, de tal maneira, que torne a sua reconstrução muito dispendiosa ou quase impossível. Os materiais de instalação sem halogéneos representam uma alternativa segura enquanto medida de proteção contra incêndios. O termo “livre de halogéneos” exclui todas as ligas orgânicas de cloro e bromo.